Se a Pamela consegue, vocês também conseguem

7
2339

A única vez que me lembro de ver Pamela Anderson a correr foi no genérico do “Baywatch”. Mas aos 46 anos, a actriz completou a sua primeira maratona, e logo na prova mais mediática do mundo, a de Nova Iorque, que decorreu ontem.

A modelo, que cortou o cabelo à rapaz, completou os 42,195 km em 5h41m e conseguiu acompanhar o irmão desde a partida até à meta. Parou algumas vezes, sobretudo quando começou a ter uma dor forte na perna direita, mas mesmo assim não desistiu.

Pamela Anderson cumpriu este desafio para ajudar a angariar dinheiro para as vítimas do terramoto no Haiti em 2010. Uma iniciativa que deve ser elogiada e seguida como um exemplo por muita gente.

Quando se quer, consegue-se.

O mais divertido acabou por ser a foto que Pamela colocou no seu twitter já depois de ter chegado ao hotel. A actriz deitou-se na cama de camisa de noite, tapou os olhos com o dorsal, colocou sacos de gelo nas pernas e deixou-se fotografar assim.

7 Comentários

  1. É de louvar quando alguém tem hepatite e sabendo o possível risco que corre (falo do alto da minha ignorância, se calhar só faz é bem!) e mesmo assim não desiste.
    Realmente é um exemplo para todos nós que somos saudáveis e nos estamos sempre a queixar com o rabo enfiado no sofá.

  2. Isto é um comentário a sério ou é só naquela da brincadeirinha e palhaçada? Acha mesmo que dizer “cabelo à rapaz” é ser preconceituoso? Está mesmo a implicar com isso? Nããã. Não quero crer.

  3. “Cabelo à rapaz”?! Também considera que os homens que usam cabelo comprido usam “cabelo à rapariga”? Não o imaginava preconceituoso.

  4. Até ontem não podia dizer qual era a dificuldade de terminar uma Maratona, hoje já posso!
    E por isso, e embora se possa ter algumas ideias pré concebidas na Pamela, acho que é de muito valor o facto de ela ter decidido aceitar este desafio e ter completado a Maratona.

    “Só é impossível para quem não tenta…” – acho que não é preciso acrescentar mais nada.

DEIXE UMA RESPOSTA