Preguiçoso, não é?

0
4291

Em oito dias de férias, consegui correr em sete. Só no primeiro dia em Búzios é que não fiz exercício, porque não conhecia o sítio e não sabia muito bem por onde ir. Achei por bem perceber primeiro o terreno e começar a correr depois. E foi o que fiz.

No Rio, em três dias, corri 47 quilómetros (15+15+17). Levantava-me às 6h30 e lá ia eu para o calçadão.

Hoje de manhã, pus o despertador para as 7h30 para ir correr. Levantei-me, lavei os dentes, comecei a vestir-me, mas, com o jet-lag (é como se fossem 4h30) e o cansaço acumulado, senti-me sem energia.

Resolvi voltar para a cama e dormir mais uma hora. A corrida fica para o fim do dia.

Às 8h30, quando a lontra da esposa acordou e me viu na cama virou-se para mim e disse:

– “Não ias correr às 7h30”?
– “Ia, mas senti-me cansado e voltei para a cama. Corro mais logo”.
– “És mesmo preguiçoso”. *

* só em jeito de nota de rodapé, a senhora foi carregada para o Brasil com roupas de corrida e trouxe-as intactas.

1 Comentário

  1. Provavelmente, a "lontra" levou as vestimentas de corrida apenas para disfarçar quando eles fazem o RX às bagagens do tipo "ah e tal mas esta senhora é uma desportista, mesmo de férias não esquece o exercício!"

  2. Bom dia pregui… 🙂

    Nunca ouviste dizer que mulher prevenida vale por duas… nós somos assim…só nao levavamos a casa ás costas porque os caracois ja existem.

    e beijo á maria ela é das minhas 😉

  3. É caso para dizer: LOL!

    Deixe lá sr. Arrumadinho, isso foi o que lhe saiu no momento, ela não pensa isso de si com certeza. É impossível pensar tal coisa, estando no seu juízo perfeito.

    Parabéns pela persistência nas corridas, é de Homem.

DEIXE UMA RESPOSTA