Mais uma corrida, mais uma viagem

0
2621

Hoje foi dia de mais um treino para a Corrida do Tejo. Uma vez mais, lá fui eu armado em esperto para o grupo avançado, que, à cabeça, levava um participante especial: o grande Rui Silva, um dos melhores atletas nacionais da última década. Lá foi o senhor a puxar pela malta, e tudo parecia estar a correr razoavelmente bem, até alguém decidir que giro, giro, giro era dar um valente esticão. Íamos a correr a uma média de 4’45” por cada quilómetro, e, de repente, passámos para os 3’20”. Claro que o grupo rebentou, muitos ficaram para trás, mas aguentei-me até ao fim., embora tenha chegado no meu limite. Fiz 6,75 km em 30’40”. Percebi que dificilmente conseguirei bater o meu recorde pessoal na corrida do próximo domingo. Ainda assim, tenho mais uma semana para treinar, a ver se não faço mal figura. Ficar abaixo dos 45 minutos já era bem bom.

Quem quiser participar, já sabe, ainda se pode inscrever. A Corrida do Tejo tem 10 km, começa em Algés, termina em Oeiras, e o percurso vai sempre pela marginal. Esperam-se 10 mil inscritos, entre eles a Jessica Augusto, que também lá esteve hoje, mas nos intermédios (fraquinha!) e o Rui Silva.

1 Comentário

  1. O 1º comentário é extraordinário. Basicamente é o cortem desde que não seja na minha rua.

    " porque não organizam as corridas na ciclo via do Guincho, assim não incomodavam ninguém."

    Lá que a senhora não utilize a estrada do Guincho, tudo bem, está no seu direito. Mas olhe que há quem utilize e nao seja só para andar de bicicleta ou correr.

  2. Toda a publicidade que se tem feito à Corrida do Tejo faz crescer a vontade de participar, mas ser um gajo do norte não é só vantagens e Algés fica fora de mão.

    Hei-de compensar na São Silvestre do Porto, em Dezembro.

    Boa sorte para Domingo; vais, com certeza, conseguir um bom tempo.

  3. Fico sempre incomodada quando fecham a marginal por causa deste tipo de iniciativas. Pode ser egoismo meu, ou incompreensão, mas não deveria haver um espaço próprio para quem se quer ir divertir a correr, é que há gente que trabalha ao fim de semana, ou tem outro tipo de compromissos. E a marginal está constantemente com estas iniciativas, porque não fecham a auto estrada para tal? Seria excelente, ou seria uma boa alternativa. Ou porque não organizam as corridas na ciclo via do Guincho, assim não incomodavam ninguém. Uma manhã inteira é demais, mesmo que seja fim de semana.

DEIXE UMA RESPOSTA